Semana da Educação Fiscal: entidades se reúnem para planejamento

O Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, o Sebrae no Acre, a Federacre e a Suframa, participaram na manhã desta terça feira, 10, de web conferência realizada para avaliar e planejar Semana de Educação Fiscal e Benefícios da Amazônia Legal.

Representantes da Fecomércio/AC, Suframa, Sebrae no Acre e Federacre se reuniram para tratar da programação; objetivo é levar informações aos empresários quantos aos deveres e obrigações fiscais das micro e pequenos empresas e empresas do comércio de bens, serviços e turismo (Foto: Ascom Sistema Fecomércio/AC)

Realizado desde 2019, em que são realizados sete encontros – sendo quatro nos municípios gêmeos de Brasileia e Epitaciolândia e três em Cruzeiro do Sul-, tem como objetivo levar informações aos empresários quantos aos deveres e obrigações fiscais das micro e pequenos empresas e empresas do comércio de bens, serviços e turismo.

O vice-presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC e superintendente do Sebrae no Acre, Marcos Lameira, explicou que estes encontros são importantes para tratar dos benefícios fiscais das áreas de livre comércio, braços da Zona Franca de Manaus.

“É preciso levar o conhecimento aos empresários para que eles possam usufruir dos benefícios que têm direito. Sabemos que é muito difícil viver na Amazônia, pedimos que busquem o conhecimento, façam jus aos benefícios e repassem à população. Porque tudo e qualquer benefício fiscal tem um destino, a população”, explicou Lameira.

O presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC e vice-presidente financeiro da CNC, Leandro Domingos, explicou que uma parte considerável dos empresários da região Norte do País não têm conhecimento dessa legislação e dos direitos que as empresas pertencentes à Amazônia Legal têm direto.

“Nossos empresários ainda não sabem os caminhos a serem percorridos para obtenção de recursos para o crescimento e desenvolvimento de seus negócios, e neste aspecto a educação fiscal tem um fator primordial para levar conhecimento a quem ainda não tem”, finalizou Domingos. (Ascom Sistema Fecomércio/AC)

Assuntos desta notícia