Saúde confirma 7 mortes por Covid-19 no AC neste domingo (20) e total salta para 765

O Acre confirmou neste domingo (20) mais 127 novos casos de contaminação pelo novo coronavírus e 7 mortes pela doença, segundo informações do boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre). Os casos saíram de 39.869 para 39.996. O número total de mortes saltou para 765.

Há 905 exames de RT-PCR aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 33.012 pessoas já receberam alta médica da doença, enquanto 211 pessoas seguem internadas, das quais 138 com teste positivo para a doença.

O estado está em contaminação comunitária desde o dia 9 de abril, com uma taxa de incidência de 4.574 casos para cada 100 mil habitantes e a de mortalidade é de 87,5 para o mesmo grupo. Já a letalidade está em 1,9%.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI nos hospitais da rede SUS no estado está em 57%. Dos 70 leitos de UTI existentes 40 estão ocupados. Os leitos de UTI estão concentrados em Rio Branco, com 60 vagas, e Cruzeiro do Sul, com 10.

Números

Das 765 mortes registradas até o momento, 501 apresentavam algum tipo de comorbidade, segundo a Saúde e 264 das vítimas não tinham outras doenças. Do total de mortos, 462 eram homens e 303 mulheres. Do total de vítimas, 540 tinham acima de 60 anos.

O Acre, até o momento, registra 112.073 notificações de contaminação pela doença, sendo que 71.172 casos foram descartados.

Rio Branco

A primeira morte é de um idoso de 87 anos, morador de Rio Branco. Ele deu entrada no dia 30 de novembro, no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb) e morreu no dia 7 de dezembro.

A outra vítima também é um idoso de 83 anos. Morador de Rio Branco, ele deu entrada no dia 23 de novembro, no Hospital Santa Juliana e morreu no dia 12 de dezembro.

A terceira vítima é um homem de 46 anos, morador da capital. Ele deu entrada no dia 9 de dezembro, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-Ac), e morreu no dia 17.

A quarta vítima tinha 72 anos. Ele deu entrada no dia 17 de dezembro, no Instituto Nacional de Traumatologia e Ortopedia do Acre (Into-Ac) e morreu no mesmo dia. (G1/Acre)

Assuntos desta notícia