Unidade de saúde da família do bairro Placas vai atender 40 mil moradores

Saude01
“Aqui se faz a saúde de essência, que é a de prevenção e não só a curativa”, destacou o vice-prefeito Eduardo Farias durante a solenidade de entrega da Unidade de Saúde da Família do bairro Placas, na terça-feira. Com a reforma, o centro que antes atendia 14 mil pessoas, ampliou sua capacidade de atendimento para 40 mil.

A nova unidade de saúde vai dispor de sete ambulatórios médicos, consultório de pediatria e ginecologia, clínica médica e enfermagem com amplo atendimento na prevenção às doenças.
Segundo o secretário municipal de Saúde, Pascal Khalil, trata-se de uma unidade de saúde moderna e que vai dar apoio aos módulos de saúde do entorno, melhorando o atendimento e a qualidade de vida dos moradores da região que totalizam mais de 40 mil pessoas. “Nosso objetivo é fortalecer a atenção primária de saúde para que os casos mais simples sejam tratados na hora certa, de forma correta”, pontuou.

O secretário estadual de Saúde, Osvaldo Leal, destacou a importância do Pacto pela Saúde para a garantia dos investimentos. Segundo ele, a prioridade é ter ações como essas em todo o Estado, dotando as unidades de estrutura física, com equipamentos, além de corpo de profissionais especializado, o que “reflete o trabalho do Governo do Estado e da Prefeitura de Rio Branco em cumprir sua missão de cuidar da população, buscando a excelência do serviço em consonância com as necessidades da população”.

Como funciona a unidade de saúde da família
Com a implantação do Pacto pela Saúde os centros de saúde e policlínicas estarão preparados para receber os pacientes, oferecer consultas, medicar e, principalmente, fazer o trabalho de prevenção de doenças como hipertensão e dos casos de obesidade.

O atendimento inicial é feito no Módulo de Saúde do bairro, por um clínico geral. Os casos que necessitarem de maior investigação serão encaminhados às unidades de saúde da família, que verificam a necessidade de direcionar os casos para um especialista na Fundação Hospital do Acre (Fundhacre).

No município de Rio Branco, a prefeitura destinou mais de 15% de seu orçamento para investir na saúde. Comparando o crescimento do índice de investimento entre os anos de 2004 a 2007 os números ultrapassam os 50%, ou seja, a prefeitura aplicou 57,5% de seus recursos para ampliar e melhorar o atendimento da saúde pública em Rio Branco, que hoje tem cobertura de 60% na zona urbana e rural da Capital.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation