Adolescente mata braçal a golpes de marreta e machado

O trabalhador braçal Antônio do Carmo Ferreira, 52 anos, natural do estado de Minas Gerais, foi assassinado no início da noite de terça-feira, 8, a golpes de marreta e machado e teve a cabeça esmagada.
O crime aconteceu no Seringal Pirapora, município de Porto Acre, divisa com o estado do Amazonas.

Segundo informações, a vítima vivia maritalmente com uma mulher que tem uma neta de 15 anos de idade. A mulher de Antônio estava na cidade fazendo compras e o marido tentou abusar sexualmente da adolescente, que conseguiu se livrar das “garras” do marido da avó e, de posse de uma marreta, desferiu vários golpes na cabeça de Antônio, que mesmo agonizado no chão ainda foi atingido com golpes de machado.

O acesso para o seringal é pela Rodovia AC 10 (estrada de Porto Acre), km 52, mais 20 km de ramal e cerca de quatro horas a pé, até chegar ao local em que aconteceu o crime.

Devido as péssimas condições do ramal, que nesta época do ano não oferece condições de tráfego, o corpo da vítima foi resgatado pelo helicóptero “Comandante João Donato” e levado para a sede do município de Porto Acre.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation