Trânsito da Capital mata dois e deixa idosa em estado grave

motoboy1
Por volta das 4 horas da madrugada de ontem, 10, paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência  (Samu) foram chamados para atender duas vítimas de acidente de trânsito ocorrido na Avenida Getúlio Vargas, em frente ao Teatro Plácido de Castro.

Ao chegar ao local, a equipe encontrou duas pessoas caídas no asfalto próximo a uma moto, placa MZS 2892.

A princípio, os paramédicos pensaram que os dois homens estariam trafegando na moto e teriam sofrido uma queda. Ao iniciarem os procedimentos de socorro, uma testemunha informou que uma das vítimas era o piloto da moto e outra era pedestre e que se tratava de um atropelamento.

Uma vítima morreu antes da chegada dos paramédicos e a outra, que era o motociclista, apresentava ferimentos graves por todo o corpo e suspeita de múltiplas fraturas.

A vítima fatal, um jovem moreno, cabelos lisos, aparentando idade entre 18 a 20 anos, usava uma bermuda de cor preta e sandálias de borracha, mas não portava documentos.

O corpo foi resgatado por peritos do Instituto Médico Legal (IML) e encaminhado para exame cadavérico.

O rapaz que pilotava a moto foi levado pelo Samu ao Pronto-Socorro.

Enquanto os peritos do IML atendiam a ocorrência na Avenida Getúlio Vargas foram informados que na Rua Rio de Janeiro acabara de acontecer um acidente com outra vítima fatal.

Motociclista morre após colidir em traseira de ônibus

motoboy
Antônio Esmerindo Brito da Silva, 27 anos, que na madrugada de ontem, 10, estava trabalhando como moto-taxista,  colidiu na traseira de um ônibus e morreu  na hora.
A colisão contra a traseira do ônibus da viação Floresta, placa JJC 4193, aconteceu embaixo do semáforo da Rua Rio de Janeiro, no Centro de Rio Branco.

 O motorista do ônibus trafegava sentido bairro/Centro e o moto-taxista fazia o mesmo trajeto quando o condutor do ônibus parou no semáforo e o moto-taxista bateu na traseira do coletivo, caindo embaixo das rodas traseiras do veículo.

Testemunhas informaram à polícia que no momento do acidente chovia muito e que supostamente a chuva tenha impossibilitado a visão do condutor da moto.

Com o impacto da colisão, a moto ficou totalmente destruí-da e o corpo da vítima ficou preso entre a moto e o eixo das rodas do ônibus.

Por volta das 5h40, peritos do Instituto Médico Legal (IML) resgataram o corpo, que foi levado para o IML para exame cadavérico.

A polícia de trânsito encaminhou o motorista do ônibus à Delegacia Central de Flagrantes (Defla), para prestar esclarecimento sobre o acidente.

Idosa é atropelada e fica em estado grave
SAMU19
Um acidente ocorrido por volta das 16h30 de ontem deixou uma idosa em estado gravíssimo. A idosa foi atropelada por uma moto, quando atravessava a Avenida Getúlio Vargas. Com o impacto, ela teve fratura exposta na perna esquerda e traumatismo craniano. O motociclista também ficou ferido. Duas viaturas do Samu foram chamadas até o local para atendê-los.

De acordo com o Samu, quando a equipe chegou ao local os dois estavam desacordados, mas o estado da idosa era o mais grave. Eles foram levados ao Pronto-Socorro da Capital e a senhora precisou ser entubada. Nem o nome, nem a idade de ambos foram divulgados. 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation