Pular para o conteúdo

Chefe do tráfico de drogas em Senador Guiomard é preso

Foi preso na tarde de terça-feira, 2, o auxiliar de pedreiro Bertoldo Galvão, 18 anos, o “Riquinho”, sob acusação de chefiar uma quadrilha de traficantes que agem na região do bairro São Francisco, rua do “Buraco do Pinto”, no município de Senador Guiomard.

Segundo informações do delegado Rawilison Araújo, a Polícia Militar daquela cidade teria recebido várias denúncias anônimas informando que Bertoldo estaria intimidando os moradores do bairro ao exibir arma e efetuar disparos em via pública.

Agentes daquela delegacia iniciaram investigação e foram informados que Riquinho havia recebido um “carregamento” de drogas para distribuí-lo nas “bocas-de- fumo” que chefiava.

O delegado solicitou mandado de busca e apreensão que foi expedido pela Justiça. Na tarde de terça-feira, 2, os agentes apreenderam na casa do acusado dois papelotes de pasta-base de cocaína, R$ 934, um binóculo para visão noturna e equipamentos supostamente adquiridos através do tráfico.

Na casa, que está sendo reformada, os policiais também encontraram mobílias novas e um aparelho de televisão LCD de 42’.

O delegado afirmou que o padrão de vida do acusado não condiz com os ganhos financeiros, já que Riquinho declarou estar desempregado, mas possui duas poupanças de R$ 21mil e outra de R$ 38 mil, além de receber uma pensão do pai no valor de um salário mínimo.

Na delegacia, Bertoldo afirmou ser usuário de drogas desde os nove anos de idade, e que o aparelho de televisão de tela LCD foi um presente que ganhou de sua mãe.

Ele negou ser traficante e que o dinheiro encontrado em sua residência é oriundo de um empréstimo que teria feito recentemente.

Mas a polícia acredita que o acusado já teria conseguido distribuir a droga antes da chegada dos agentes para cumprimento do mandado.