Dom Moacyr celebra seus 50 anos de ordenação sacerdotal

O bispo Dom Moacyr Grecchi virá amanhã, 7, a Rio Branco comemorar os seus 50 anos de ordenação sacerdotal com o seu querido povo do Acre. O homem-símbolo da religião local participará da Santa Missa da Catedral Nossa Senhora de Nazaré, às 17h deste domingo.  A missa solene contará com a concelebração de todos os padres da Capital, além de amigos, confrades e admiradores do amado bispo. Também devem estar presentes autoridades estaduais e municipais, junto de colegas que ainda apreciam os seus atuais trabalhos pastorais.
Dom0608
A ocasião deve ser marcada pelos principais ensinamentos da luta espiritual de Dom Moacyr e, é lógico, pelas memórias da sua inesquecível trajetória religiosa. Dos seus 50 anos de missão pastoral, Dom Moacyr dedicou quase 3 décadas no Acre e 13 anos em Rondônia.

Nascido em Turvo, Santa Catarina, ele foi nomeado padre aos 25 anos (1961), em Roma. Onze anos depois, assumiu como bispo no Acre, com a missão de substituir o célebre bispo Dom Giocondo. Aqui, teve uma participação inigualável no processo histórico do Estado, aproximando a Igreja de todos os movimentos acreanos nas décadas de 70 e 80 (índios, posseiros, seringueiros, etc). Em 1998, recebeu o convite para arcebispo de Porto Velho e levou para lá toda a fé, destreza e aplicação religiosa demonstrada no Acre.

O meio século de sacerdócio do bispo coroa uma das maiores figuras religiosas de Rondônia e Acre. Um bispo idôneo, corajoso, comprometido com as causas de seu povo, que sempre escuta a todos e que ficará marcada para sempre no coração do povo amazonino.  

Assuntos desta notícia


Join the Conversation