Gazetinhas 31/03/2012

* Bafões à parte, bombou o Jogo da Solidariedade anteontem, no Florestão.

* Quem achou que a estrela da noite seria o ex-atacante da seleção brasileira, o Romário, se enganou. O “Peixe” já não é mais essa coca-cola toda e o show mesmo ficou por conta de Montana Jack e do Cabide.

* E digo mais, se não fosse o Montana Jack, nos altos do seu 1 metro e pouco de altura, o time do Congresso não teria ganhado o jogo por 5 a 3.

* Já o Cabide, até que tentou, correu esbaforidamente, mas perdeu a chance de aumentar o placar. Não foi dessa vez!

* Pegou muito mal a atitude de uma empresa que faz o serviço de coleta de lixo em Rio Branco em coagir os trabalhadores que pretendiam realizar uma paralisação pacífica de 2 horas, esta semana.

* O proprietário da empresa, teria chegado no momento do ato com cerca de 30 pretensos candidatos às vagas dos trabalhadores. Quem aderisse ao movimento, estava automaticamente demitido.

* A greve é um direito garantido ao trabalhador, e como tal, deve ser respeitado. Um episódio lamentável.

* Às vésperas de completar mais um ano de fundação, Plácido de Castro, que vem sofrendo com a falta de infra-estrutura na cidade, vai receber trabalhos de saneamento, drenagem e pavimentação do Programa Ruas do Povo.

* Os investimentos anunciados pelo governador Tião Viana no município chegam a R$ 24 milhões.

* Serão pavimentadas nas duas fases do Programa mais de 50 ruas.

* Outra boa notícia anunciada por Tião, em primeira mão, na sua página do twitter é a implantação, para breve, do transplante de fígado no Acre.

* A Caixa começou a liberação do saque do FGTS às vítimas da enchente em alguns municípios afetados, como Brasiléia e Sena Madureira.

* Mas em Rio Branco até agora não há ainda previsão e as milhares de famílias atingidas aguardam a liberação do benefício.

* Essa é pra fechar a semana com chave de ouro. Chega a informação que viajar de avião vai ficar ainda mais caro. Socorro!

* Se viajar do Acre para outros estados já está quase inviável, imaginem se aumentar ainda mais!

* Isso sem contar no desconforto, um pinga-pinga desgraçado. O acreano leva quase um dia viajando pra chegar ao destino desejado.

* Pra viajar daqui pra São Paulo, por exemplo, o acreano tem que encarar a seguinte escala: Rio Branco/PortoVelho/Cuiabá/Belo Horizonte/Curitiba/São Paulo.

* Aff! Cruel!

* Aos 37 de coluninha, não precisam mais ficar de mimimi. O titular deu um tapa no visual e já está de volta. Êba!

* INTERINA: Geisy Negreiros.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation