Jovens terão oito mil vagas para educação profissional por ano no Acre através do Pronatec

Com uma maquiagem leve, um vestido tubinho e muitos, muitos sonhos, Izabel Guedes Rodrigues, uma jovem de 16 anos, pegou o microfone para falar de como ele está feliz em ter tido uma oportunidade pela qual não teria condições de pagar, feito um curso e estar às portas do mercado de trabalho, com um certificado na mão.

“Os professores são muito capacitados e nos passaram também alguns valores que são importantes no dia a dia profissional, como trabalhar em equipe e ter iniciativa própria. Essa é uma oportunidade que eu não teria como ter não fosse a presidente Dilma e o governador Tião Viana, que teve a iniciativa de pagar o nosso vale transporte. Hoje eu tenho um rumo pra seguir”, disse Izabel, que concluiu o curso de Recepção em Meios de Hospedagem. Na tarde desta segunda-feira, 19, ela passou por sua primeira entrevista de emprego. “Esse é o nosso sonho né, poder trabalhar pra ajudar os pais, pra melhorar de vida e pra construir um futuro, sem deixar de estudar, de continuar buscando crescer”, comentou.

 Ela é um entre os milhares de jovens de todo o Brasil que terão oportunidades de ingressar em cursos técnicos profissionalizantes e se preparar para o mercado de trabalho. Lançado hoje no Acre pelo governador Tião Viana, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), deve disponibilizar oito mil vagas por ano para o estado.

 O Pronatec é um programa do Governo Federal criado para ampliar a oferta da educação profissional e tecnológica em todo território nacional por meio de programas, projetos e ações de assistência técnica e financeira. Para o desenvolvimento do programa no Acre, órgãos e instituições que trabalham com o ensino profissional uniram força com o objetivo de atingir, com qualidade, todo o estado.
O governador Tião Viana parabenizou Irailton pelo trabalho que desenvolveu ao longo de 11 anos à frente da educação profissional no Acre, onde teve a oportunidade de ajudar a formar 42 mil jovens. “Queremos chegar a 100 mil até o final do governo e agora ele assume o compromisso com o Governo do Estado de destinar, por ano, somente no Pronatec, 8 mil vagas para o estado”, disse.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation