Provinha Brasil irá passar por reformulações

O Ministro da Educação Aloizio Mercadante anunciou, na última semana, que a Provinha Brasil (exame que servia como diagnóstico interno para que o professor analisasse o nível de aprendizagem de seus alunos sem a divulgação) irá passar por uma reformulação. O exame era aplicado desde 2008 para alunos do 2º ano do ensino fundamental. Já no próximo ano, o público-alvo da avaliação serão crianças de 8 anos.

De acordo com Josenir Calixto, diretor de ensino da Secretaria Estadual de Educação, com a realização das provas é possível verificar o quanto o nível de alfabetização tem aumentado. “A prova é aplicada todos os anos e avalia o desempenho dos alunos na alfabetização. Ano passado, 88% das crianças estavam alfabetizadas. É um nível alto. Os outros 12% estavam pré-alfabetizados. Iremos lutar para conseguir melhorar ainda mais este nível”.

A partir das informações obtidas pela prova, os professores têm condições de intervir de forma mais eficaz no processo de alfabetização. O diretor de ensino falou que a secretaria dá apoio às crianças com mais dificuldade de aprendizagem. “Trabalhamos no sentido de assegurar o ensino às crianças. A secretaria está fazendo o acompanhamento com os alunos e professores. Para aquelas crianças que têm mais dificuldades, disponibilizaremos professores de reforço”, afirmou Josenir.

A Provinha Brasil é elaborada pelo Inep e distribuída pelo MEC/FNDE para todas as secretarias de educação municipais e estaduais. Cerca de 7 milhões de crianças, segundo estimativas do Ministério da Educação, devem participar da nova versão da prova.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation