Aníbal Diniz confirma inauguração da ZPE do Acre dia 21 deste mês

imagem414998O governador Tião Viana, irá inaugurar a Zona de Processamento de Exportações (ZPE) do Acre, a primeira a entrar em funcionamento no país, no dia 21 deste mês. A notícia foi confirmada no plenário do Senado, ontem, em pronunciamento feito pelo senador Aníbal Diniz.

“Será mais um espaço gerador de emprego e fortalecedor da economia acreana, engrandecendo cada vez mais o nosso projeto de desenvolvimento sustentável, que está acontecendo com sucesso no Estado do Acre”, destacou Diniz. A ZPE do Acre foi também a primeira das 22 unidades semelhantes instituídas ainda na gestão do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva a obter o alfandegamento concedido pelo Ministério da Fazenda e a cumprir todas as exigências burocráticas impostas pela legislação brasileira que rege o assunto.

A ZPE do Acre está sendo implantada a cerca de quatro quilômetros do Centro de Senador Guiomard e ocupa um terreno de 130 hectares. O advento da ZPE ocorre em uma Zona Especial de Desenvolvimento (ZED), conceito criado pelo então governador Binho Marques para definir locais de maior dinâmica econômica, localizadas na área de influência direta das rodovias federais BR-317 e BR-364, dotadas de melhor infraestrutura, com empreendimentos consolidados, ocupação territorial definida e significativo capital social. São, portanto regiões de baixa vulnerabilidade ambiental e alto capital humano. Por essa política, há o compromisso do Governo de atuar, nessas regiões, buscando conter o desmatamento, reverter o impacto ambiental e consolidar empreendimentos de base florestal, promover novos negócios estratégicos e reinserir áreas alteradas/degradadas ao sistema produtivo.

Também em relação ao setor produtivo acreano, o senador Aníbal Diniz confirmou no mesmo discurso que já foram adquiridas cinco escavadeiras hidráulicas, (de um total de 12 previstas),  e entregues à Seaprof 7 pás carregadeiras, e dez tratores de esteira (num total de 26) para reforçar os trabalhos de construção de açudes e tanques para o fortalecimento do projeto de piscicultura desenvolvido pelo Governo do Estado do Acre. Além de servir à construção de açudes, o  maquinário também será utilizado  em atividades mecanizadas em áreas degradadas. Os recursos são provenientes de convênio de R$ 26.290.600 firmado entre o governo estadual e o Bndes.

O equipamento será destinado ao atendimento  das regiões do Alto Acre, Baixo Acre, região do Purus, região do Tarauacá/Envira e também a regional do Vale do Juruá. O Governo do Estado destinará, a cada uma dessas regiões, uma escavadeira hidráulica, para dar força e maior consistência ao programa de construção de açudes e tanques para os pequenos produtores do Acre.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation