Pular para o conteúdo

Dupla de assaltantes troca tiros com a polícia e causa capotamento na BR-364

Uma perseguição a dois assaltantes, na noite de terça-feira, 3, terminou no capotamento de um veículo, próximo a Vila Campinas (no km 70 da BR-364, sentido Rio Branco/Porto Velho). Um dos dois acusados foi preso. Ele é Alexandro Martins Santana, 18 anos, que estava numa motocicleta e que após uma troca de tiros com um policial, caiu da moto e foi preso.

Segundo a polícia, ele e um comparsa, ainda não identificado, teriam invadido a casa de um policial militar de Rondônia, que mora na Vila Campinas, renderam a família e amarraram e amordaçaram. Depois, roubaram uma motocicleta e alguns pertences da família.

Após o crime, a dupla saiu em fuga pela BR-364, em direção ao município de Acrelândia. A Polícia Militar de Campinas foi acionada e saiu em busca dos suspeitos.

Neste mesmo tempo, o policial militar que teve a residência invadida retornava de Vila Califórnia, quando ficou sabendo do que acontecia.

Ele percebeu os dois passando em alta velocidade pelo seu carro, fez o retorno e os perseguiu. Ainda segundo os policiais, o garupa começou a atirar contra o veículo e logo depois se desequilibrou. Os dois caíram da motocicleta.

Para não atropelá-los, o policial desviou o veículo, mas perdeu o controle da direção e capotou várias vezes. Ele e o carona usavam cintos de segurança e graças a isso, sofreram apenas escoriações pelo corpo.

Um dos acusados escapou na mata. Alexandro Santana foi preso e encaminhado ao Pronto Socorro de Rio Branco com suspeitas de fratura numa das pernas.