Pular para o conteúdo

Jovem de 20 anos é executada com tiro no peito por casal de amigos

 A jovem Marcia da Silva Brito, 20 anos, foi encontrada morta com um tiro no peito dentro da casa de um casal de amigos na rua 07 de Setembro, no bairro Esperança, na manhã de segunda-feira(23).

 De acordo com o que a polícia conseguiu apurar, a jovem estava separada do marido há apenas três dias e na noite de domingo (22) saiu de casa em companhia do casal de amigos apenas identificados pelos nomes de Siliane e “Cabeção” e foram se divertir em uma boate localizada próxima a Gameleira, no 2º Distrito de Rio Branco.

 Na boate, já embriagado, “Cabeção” tentou beijar Márcia que chamou a amiga Siliane no banheiro e contou a ela a intenção do namorado. O trio discutiu e se envolveu em uma confusão dentro da boate sendo retirado por seguranças.

 Já do lado de fora, o trio decidiu ir para a casa do casal, quando por volta das 5 horas da manhã de segunda-feira (23) vizinhos ouviram um disparo de arma de fogo, em seguida “Cabeção” e Siliane saindo da casa, as pressas. Um morador do bairro foi à residência saber o que tinha acontecido quando encontrou a jovem Márcia Brito caída sobre a cama apresentando uma perfuração a tiro no peito.

 O Samu foi acionado, mas a jovem já estava morta. Perítos do Instituto Médico Legal – IML resgataram o corpo da vítima. O casal suspeito de ser o autor do crime continua foragido e a polícia ainda não sabe quem dos dois atirou contra Márcia.

 Segundo informações, o laudo do médico legista aponta para tentativa de estupro e supostamente a vítima tenha sido espancada antes de ser morta, pois apresentava hematomas na boca.