Tudo de novo

 O Rio Acre já ultrapassou a cota de alerta, dezenas de famílias já estão sendo retiradas de suas casas e alojadas nos abrigos construídos pela prefeitura com apoio do Governo do Estado e tudo indica que a cidade passará por uma nova enchente, repetindo os mesmos problemas de anos anteriores.

 Evidentemente que o poder público precisa socorrer e prover as necessidades dessas famílias com toda a atenção, fornecendo-lhes abrigo, alimentação e, de modo especial, atendimento à saúde, considerando as doenças que surgem nessas situações de risco.

 Entretanto, é preciso que, a par dessa assistência, o poder público, a classe política e a sociedade reflitam seriamente sobre a necessidade de se buscar saídas duradouras para evitar que esse drama ou tragédia se repita a cada ano.

 E a saída, a solução ainda mais eficiente, recomendável e óbvia é investir na construção de conjuntos habitacionais para abrigar essas famílias, mapeando e desativando de uma vez por todas essas áreas reconhecidamente impróprias para a habitação. Ou se fez isso ou se estará perpetuando uma tragédia e desperdiçando dinheiro público.


Assuntos desta notícia

Join the Conversation