Alcoólicos Anônimos: 34 anos de serviços prestados no Acre

 A irmandade de Alcoólicos Anônimos (A.A.) comemora amanhã (quinta-feira) o aniversário de 34 anos de fundação no Acre. Para lembrar a data, seus membros buscam, junto à imprensa, fortalecer a mensagem de ânimo aos doentes que lutam para alcançar a sobriedade. O primeiro passo, segundo a experiência dos membros veteranos, está no desejo sincero de parar de beber.

 A.A. foi fundada no Acre em 27 de fevereiro de 1980, quando surgiu o primeiro grupo de mutua-ajuda, chamado Dom Giocondo Maria Grotti. Esse grupo funciona até hoje ao lado da igreja Santa Inês, no bairro Bosque, anexo ao qual está o Escritório de Serviço Local da entidade. Além de Rio Branco, A.A. está presente em Cruzeiro do Sul, Acrelândia, Senador Guiomard, Bujari, Feijó, Mâncio Lima e Rodrigues Alves.

 Nos grupos de mutua-ajuda, os membros da irmandade compartilham experiências de superação que estimulam outros a se livraram da compulsão pela bebida, sendo considerada como a entidade que empenha mais cuidado e atenção aos seus componentes em nível mundial. Os veteranos deixam claro que o único requisito para se tornar membro é o desejo de parar de beber.

 Também lembram que a entidade não está ligada a nenhuma seita ou religião, partido político, organização ou instituição. Os interessados em obter mais informações sobre o funcionamento, endereço e horários das reuniões dos grupos, podem se dirigir ao Escritório de Serviço Local da irmandade, situado na rua Coronel José Galdino, 289, bairro Bosque, ao lado da Igreja Santa Inês, ou ligar para o telefone: (68) 224-9449.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation