Pular para o conteúdo

Jovem que fez vídeo sobre o Acre afirma que vai participar do Programa Eliana

 A estudante Adrielle Farias, 16, que se tornou sucesso na internet após fazer um clique parodiando a música ‘Roar’ da cantora americana Katy Perry, agora promete conquistar também o público televisivo. A jovem revela que recebeu, nesta quinta-feira, 27, um convite para participar do quadro ‘Fenômenos do Youtube’, do Programa Eliana, que será gravado no dia 12 de março.

 Acompanhada do pai, a adolescente deve embarcar para São Paulo no próximo dia 11. Adrielle afirma que ainda não sabe quando a gravação vai ao ar, mas revela já estar ansiosa para ver mais esse fruto do sucesso conquistado de forma súbita.

 No último dia 26 de fevereiro, um mês após ter sido postado no Youtube, o vídeo atingiu 484 mil visualizações. “Eu não imaginava que uma brincadeira, algo que fiz para ironizar o que as pessoas de fora falavam sobre o Acre, iria chegar tão longe”, declara.

 A inscrição para participar do quadro da Eliana foi realizada por uma amiga de Adrielle. Há duas semanas, a estudante recebeu o telefonema da produção do programa dizendo que ela havia sido pré-selecionada. “Eu já estava muito feliz de ter chegado até ali. Porém, depois que se passaram vários dias, pensei que não iria acontecer mais, até que recebi o convite oficial”, relata.

 Para realizar a viagem, a jovem perderá três dias de aula. Apesar disso, ela afirma que não sairá prejudicada no ano letivo. “No retorno, irei me recuperar e pegar com um amigo o conteúdo perdido”, promete.

 Adrielle está no 3º ano do ensino médio. Por esse motivo, a adolescente deixa claro que não tem pretensões de lançar nenhum novo clipe nos próximos meses. “Estou no último ano do colégio e tudo está muito puxado”, comenta.

 Ainda assim, ela confessa que não deixará de elaborar novas ideias. “Vou com a minha família para Cruzeiro do Sul, neste final de semana. Não conheço o município e devo aproveitar para gravar algumas imagens, que ficarão guardadas até que surja uma oportunidade de transformá-las em clipe”.

 Tudo começou quando Adrielle decidiu criar uma letra de música com as coisas mais comuns que acontecem com um acreano. Ela enviou o áudio para algumas pessoas. Com isso, um amigo se ofereceu para colocar o instrumental. “Escrevi a música em 10 minutos. Depois surgiu a ideia do clipe e então eu quis fugir do comum. Procurei gravar nos lugares que eu gosto de visitar como o Parque Chico Mendes e no Canal da Maternidade. Algumas partes foram feitas em Sena Madureira também. Tive ajuda das minhas irmãs e primas. Meus pais e minha tia colaboraram com as filmagens. E tudo foi feito em um tablet”, relata.