Marcus Alexandre e Tião Viana lançam ação de limpeza

Operação volta para casa frente de serviço Foto Marcos Vicentti   18O prefeito Marcus Alexandre e o governador Tião Viana lançaram nesta segunda-feira, 17,  no estacionamento do Estádio Arena da Floresta, a operação de limpeza dos bairros afetados pela cheia do Rio Acre em Rio Branco. O trabalho é coordenado pela Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) e as áreas prioritárias foram definidas sábado passado, dia 15, em reunião ocorrida entre o prefeito  e os presidentes das associações de moradores dos 18 bairros mais prejudicados pela alagação. Na cerimônia no estacionamento do Arena participaram o vice-governador do Acre, César Messias; os vereadores Gabriel Forneck, Líder do Prefeito na Câmara Municipal, Marcelo Macedo e pastor Manoel Marcos; os deputados estaduais Jamil Asfury e Eduardo Farias; a deputada federal Perpétua Almeida; o vice-prefeito, Márcio Batista, Oséias Silva, presidente da Associação de Moradores do Bairro Seis de Agosto, que representou o movimento comunitário; secretários municipais e estaduais, além de gestores, lideranças civis, religiosas e militares.

O governador destacou que a limpeza irá reduzir sobremaneira a possibilidade de transmissão de doenças típicas das enchentes, como a leptospirose, que é transmitida pela urina do rato e vem fazendo dezenas de vítimas no Acre. A hepatite A também tem relação com a água contaminada e uma boa ação de limpeza e desinfecção  das vias públicas e dos quintais ajuda em sua prevenção. Além da questão sanitária, Tião Viana ressaltou a política habitacional para remover, de modo definitivo e seguro, as famílias que vivem em áreas de risco. “Fazemos política para solução definitiva não para um curativo superficial”, disse ele, reafirmando a necessidade de se acabar com as habitações nessas áreas após a remoção da família para local seguro.

O Governo do Acre empreende atualmente o projeto Cidade do Povo, o maior conjunto habitacional implantado no Estado, o qual tem como objetivo abrigar ex-moradores de áreas de risco. Estão sendo construídas mais de 10,5 mil casas e o projeto foi bastante elogiado pela Presidenta Dilma Rousseff quando de sua passagem por Rio Branco no último sábado.

De seu lado, o prefeito Marcus Alexandre destacou a postura responsável e comprometida com a qual as equipes do Governo do Estado e da Prefeitura lidaram e lidam com o atendimento às famílias nesta alagação, quer seja na remoção das residências tomadas pelas águas ou nos abrigos públicos e nas demais frentes de trabalho. “Estamos aqui iniciando uma etapa importante. Em momento nenhum  baixamos a cabeça para as dificuldades”, disse o prefeito ao exaltar o esforço de gestores e voluntários. (Ascom PMRB)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation