Tião Viana volta a acompanhar Operação Balseiro nesta segunda

 As equipes do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Departamento de Estradas de Rodagem do Acre (Deracre) seguem atuando na Operação Balseiro, que tira os entulhos e troncos de árvores das estruturas da ponte Juscelino Kubistchek (Ponte Metálica) para manter a segurança no local. O governador Tião Viana acompanhou o trabalho das equipes, novamente, na manhã desta segunda-feira, 10.

 Desde sábado as equipes, com apoio do Batalhão Ambiental, Polícia Militar e outros órgãos de governo, atuam na retirada dos balseiros. Nesta segunda o trabalho ganhou reforço voluntário dos próprios canoeiros que atuam na travessia do Rio Acre.
“Estamos aqui nesse trabalho, que está em ritmo de operação de guerra, fazendo esse esforço sem cessar, porque o Rio Acre já atingiu os 16,20 metros na manhã de hoje e permanece subindo, com o Riozinho do Rôla chegando a mais de 17 metros, e em Xapuri o rio já marca 13,85m. Isso significa que o nível subirá mais nas próximas 20 horas e, se subir muito, teremos dificuldades na passagem dos balseiros por baixo da ponte. Por isso, temos essa operação de guerra aqui”, enfatizou o governador.

 No domingo, 9, Tião Viana e o vice-governador César Messias mantiveram-se na coordenação da operação. Nesta segunda, César Messias auxiliava os trabalhadores do Deracre na acoplagem e regulagem de cabos de aço em máquinas do órgão – utilizadas para puxar os troncos, maiores e mais pesados, que ficam enganchados nos pilares da ponte.

 O diretor do Deracre, Ocírodo Júnior, afirmou que cerca de 100 pessoas, de órgãos do governo, estão trabalhando diretamente na Operação Balseiro. “São servidores públicos que nos ajudam a solucionar esse problema. Além disso, agora recebem o apoio de voluntários, proprietários de barcos, que trafegam por essa região do rio”, completou.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation