Esquema de segurança para o Enem contará com 150 homens

Policiais estarão envolvidos no transporte dos malotes
Policiais estarão envolvidos no transporte dos malotes

Para garantir a segurança durante a aplicação das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) nos dias 8 e 9 de novembro, a Polícia Militar do Acre traçou um esquema que contará com 150 policiais.

De acordo o subcomandante da PM, coronel Mário César, os oficiais estarão envolvidos tanto no transporte dos malotes como no policiamento ostensivo. Apenas em Rio Branco serão 60 homens.

Desde 2009, fazemos a segurança no Enem. A PM se faz presente nas escoltas e ao final das provas é feita a escolta de retorno à unidade de armazenamento que fica no BIS, explica o subcomandante.

Participam da segurança no Enem homens de todas as unidades da PM, como o Bope e a Ciatran, além dos Correios, Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Exército. “No Acre é muito tranquilo esse trabalho. O problema mais corriqueiro é o atraso dos alunos no início da prova. Por causa disso, alguns criam problemas”, ressalta Mário César.

No Acre, entre os municípios que vão aplicar prova do Enem estão: Rio Branco, Senador Guiomard, Xapuri, Plácido de Castro, Acrelândia, Brasileia, Epitaciolância e Cruzeiro do Sul.

No Acre 68.526 mil candidatos se inscreveram para o exame que será realizado em 183 locais de provas. A operação começa com a escolta dos carros que transportarão os malotes de provas até os locais de aplicação dos testes. Ao término será realizada continuidade da segurança para condução dos gabaritos dos candidatos. (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Assuntos desta notícia