Pular para o conteúdo

GAZETINHAS 04/07/2015

* Final de semana movimentado na política, com a visita do ministro dos Esportes, George Hilton.

* A agenda é extensa e cheia das firulas tradicionais.



* Entre elas, a indicação prévia do título de cidadão rio-branquense ao ministro, proposta pelo vereador Manuel Marcos, do PRB.

* O detalhe básico é que o ministro estará no Estado pela primeira vez.

* Mas, tratando-se de política, qual a surpresa?!

* Faz parte.

* Voltando ao que interessa…

* O representante do Governo Federal vem ao Acre assinar a ordem de serviço para o Centro de Iniciação ao Esporte da Baixada.

* Segundo a propaganda, “uma das maiores ações da área de Esporte do Acre”.

* Superlativos à parte, um investimento importante para fomentar a inclusão social por meio do esporte na Capital.

* No final da tarde, o ministro participará ainda da abertura do 3º Copão Comunitário de Futebol Amador.

* Programaço, hein!

* Ririri.

* A vinda de Hilton é fruto da articulação do deputado federal Alan Rick, que é colega de partido dele.

* Alan, aliás, está toda prosa pelas conquistas.

* Com razão.

* De fato, está cumprindo bem o papel a que se propôs na Câmara Federal, assumindo, cada vez mais, posições firmes e coerentes com a parcela do eleitorado que representa.

* Independente das ideologias políticas e pessoais, só precisa ter cuidado para não resvalar nos excessos e, tampouco, nos absurdos de alguns colegas de parlamento, como Jair Bolsonaro, Silas Malafaia, Eduardo Cunha Underwood…

* O deputado acreano é um bom homem, profissional de valor.

* Tem potencial político e espiritual para mais.

* Ainda sobre a vinda do ministro, vale conferir entrevista exclusiva, ao editor Tiago Martinello, na página 3.

* De Sena Madureira, a notícia chocante da morte de um jovem de 35 anos, filho de um sargento da PM.

* Ele foi encontrado com um tiro no peito, no quintal de casa;

* E a polícia trabalha com a hipótese de “acerto de contas” de drogas.

* Triste realidade, cada vez mais próxima de nós.

* Sena Madureira é, de longe, um dos municípios com mais casos de violência do Estado.

* E o tráfico, obviamente, está por trás das ocorrências mais sérias.

* A cidade acabou se tornando um corredor para drogas e porta de entrada para armas de fogo, através da BR ou do Rio Purus.

* Um bom estudo de caso para a Secretaria de Segurança Pública.

* Frente fria leve confirmada para o final da tarde deste sábado.

* “Leve, entenderam? Não se encham de capas do Formigão e venham me culpar depois”, alerta Friale.

* Tá abusado.

* A propósito:

* #SomosTodosMaju!

* Não fica com ciúmes, El Brujo.

* É por uma boa causa.

error: Conteúdo protegido!!!