Pular para o conteúdo

GAZETINHAS – 09-01-2020

*Vai com calma, 2020!
*O governador Gladson Cameli que o diga…
*Mal chegou de férias, e o chefe do Executivo já teve que enfrentar uma notícia daquelas:
*A saída do homem de ferro dele, o poderoso chefão da Casa Civil, Ribamar Trindade.
*Os burburinhos em torno desta importante mudança no primeiro escalão do governo já vinham desde as últimas semanas de dezembro.
*Uma carta de exoneração chegou a ser escrita por Ribamar;
*Um desabafo atrapalhado à imprensa, feito pelo governador Gladson Cameli;
*E um monte de fofocas e especulações rolavam, desde então, nos bastidores do poder.
*Eis que Ribamar tirou uns dias de descanso, esfriou os ânimos…
*E pá:
*Ao contrário do que o governador esperava, foi macho, ops, firme o suficiente pra manter a decisão tomada.
*Para poucos e lúcidos, hein.
*Cri cri cri.
*E a partir de agora, tudo pode acontecer na torre de Babel do governo Cameli.
*Independente de quem entrará no cargo, seja mais um parente ou um amigo íntimo do governador, o fato é que a famigerada República do TCE parece ter sido vencida.
*Para empresários, apoiadores, críticos e/ou observadores do governo, fica, por ora, o sentimento conflitante:
*Por um lado, a esperança de que a máquina pública possa, finalmente, deslanchar, sem o excesso de burocracia e, por vezes, a inabilidade política dos técnicos do TCE para solucionar as demandas.
*Por outra, a sensação esquisita de que o barco está novamente à deriva…
*E a incerteza com a possibilidade de que a mudança sempre pode acontecer para piorar mais um pouquinho.
*Alguém ainda tem dúvida?!
*Enfim.
* “E agora, quem vai governar este Estado?”, grita, apavorado, um gaiato que passa pela redação.
*Calma, homi.
*O governador Gladson Cameli já disse que é ele!
*É só o tempo de buscar um novo severino, ali em Manaus ou em Brasília.
*Tsc, tsc, tsc.
*Enquanto isso, surfando na onda da popularidade…
*Prefeita Socorro Neri comemora mais uma premiação.
*Desta vez, o terceiro lugar no ranking nacional, com a nota do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).
*É bom, muito bom.
*E mais uma referência que se soma ao capital político da prefeita, disputadíssimo, aliás, para as eleições deste ano.
*Tá todo mundo de olho nela, adulando de cá, elogiando de lá.
*Inclusive o PT, que anda com planos fortes, liderando pelo ex-governador Jorge Viana, de retomar o lugar no Executivo municipal.
*A questão é que, como de costume, o partido quer nada menos do que a cabeça da chapa.
*É, hã, hum
*Bom, a conferir no que vai dar.