Amisrael convoca voluntários acreanos para campanha SOS Haiti

A Organização Não Governamental Amisrael – O Mensageiro da Paz, em atividade no Acre desde 2006, está convocando voluntários para abraçar a campanha SOS Haiti, desenvolvida no Estado em parceria com a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e com a Cruz Vermelha.

Segundo o delegado da ONG no Estado, João Patrício, atualmente cerca de 300 agentes estão envolvidos nas campanhas promovidas em prol da paz mundial, como esta voltada às vítimas do Haiti, mas a meta é reforçar ainda mais a equipe. Em Rio Branco, estão cadastrados 50 voluntários.

“Deus está agindo para que a nossa solidariedade aflore. Não podemos nos omitir”, diz Patrício, acrescentando que a meta é arrecadar 40 toneladas de alimentos não perecíveis em 90 dias.

Além de ajudar as vítimas do Haiti, a campanha também visa beneficiar entidades locais, como creches, Lar dos Vicentinos, Educandário Santa Margarida e a Colônia Souza Araújo.

Vários empresários já aderiram ao esforço humanitário, que conta também com a ajuda de estudantes universitários. Isso permitiu que vários pontos de coleta fossem montados em lojas e supermercados. Agentes da Paz, devidamente identificados por camisetas, também percorrem os bairros da capital em busca de donativos.

As doações em dinheiro devem ser feitas diretamente nas contas disponibilizadas pela Cruz Vermelha. Os dados completos podem ser obtidos através do seguinte endereço eletrônico: www.amisrael.org.il.

O valor da cesta básica é de R$ 40,00.  Os depósitos originados do Acre devem ser acrescidos de R$ 0,08 –  código disponibilizado pela Cruz Vermelha para controlar, de forma individual, o volume de recursos disponibilizados por cada região do planeta.

Quem quiser também pode entrar em contato com a Amisrael no Estado, através dos telefones (68) 9977-4118 /8114-0699 e discutir a melhor forma de ajudar na campanha, seja como voluntário, seja doando alimentos ou dinheiro.

Empresários, políticos e veteranos de futebol também prometem entrar em campo para ajudar na campanha. Eles serão o atrativo de um torneio solidário de futebol, organizado para fortalecer a agenda de eventos da campanha SOS Haiti.

As partidas acontecerão nos intervalos dos jogos do Campeonato Acreano de Futebol, no Estádio Arena da Floresta. O torcedor pagará o preço normal pelo ingresso e voluntariamente poderá levar um quilo de alimento. 
“A idéia é enviar somente o dinheiro para o Haiti e destinar os alimentos para as entidades locais, o que será possível por meio da parceria com os empresários”, explica João Patrício. 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation