Vereador denuncia crime ambiental no aterro sanitário de Rio Branco

ZZZZZZZZZZZENCONTRO45
O vereador Raimundo Vaz (PRP) cobrou, durante a sessão de ontem, 10, providências da Prefeitura de Rio Branco, para combater o incêndio no aterro sanitário localizado na Transacreana. Apresentando fotos do local e depoimentos de alguns moradores da região, ele afirmou que vai cobrar na Justiça uma solução para o problema.

Raimundo Vaz destacou que o incêndio vem trazendo grandes prejuízos para o meio ambiente e prejudicando a saúde dos moradores. “A prefeitura e a Semeia, precisam tomar uma providência urgente. Lixo que está naquele local há mais de 20 anos está queimando e quem mora naquela região está sofrendo as conseqüências e correndo riscos. Os prejuízos são incalculáveis”, disse.

Para Raimundo Vaz, a prefeitura precisa tomar uma providência urgente, pois além dos prejuízos para a saúde dos moradores, o incêndio está prejudicando o meio ambiente, pois são vários os produtos que estão queimando no “lixão”.

“Falar de meio ambiente virou moda, mas somente assuntos que interessa a quem fala. Discutir esse tema não é apenas falar. Temos que realizar ações que resultem em resultados satisfatórios. A prefeitura exerce uma forte e rigorosa fiscalização sobre o cidadão que queima uma pequena quantidade de lixo, aplicando multa de até R$ 2,4 e agora fecha os olhos para esse problema. Mas não podemos usar dois pesos e duas medidas”, desabafou.

O vereador pediu atenção especial dos vereadores, afirmando que o problema precisa ser solucionado com urgência. Ele afirmou que “a Semeia fechou os olhos, cruzou os braços e está sendo omissa”.

“O pior é que o lixo está queimando dia e noite, formando uma grande quantidade de fumaça. Não podemos cruzar nossos braços para esse problema. Vou ingressar em outras instâncias contra o secretário de Meio Ambiente, Arthur Leite, apresentando fotos do local e depoimentos dos moradores. Estou também à disposição das ONG’s para que possamos unir forças”, concluiu.

“Estamos cumprindo nosso papel”, diz Astério
Destacando que o papel do vereador é fazer a intermediação entre o poder público e a comunidade, o líder do prefeito na Câmara de Rio Branco, Astério Moreira (PRP), usou a tribuna na sessão de ontem, 10, para elogiar as ações desempenhadas pelos vereadores. Para ele, os parlamentares estão cumprindo o papel de fiscalização, apresentando os problemas para que sejam tomadas as providências necessá-rias pela prefeitura.

“Estou muito satisfeito com a sessão de quarta-feira, 10. Vejo que de fato o exercício da função do vereador está sendo exercido. Nossos parlamentares trouxeram denún-cias e problemas para o conhecimento da prefeitura. Isso é importante, pois são fatos reais que precisam ser solucionados”, destacou.
Astério garantiu que a prefeitura irá tomar providências em relação ao aterro sanitário e que, como já fez em outros mercados, o do Bosque também será reformado em breve.

“A função do vereador é reivindicar, fazer a intermediação entre a comunidade e os poderes constituídos. Esse é um momento muito bom da nossa Câmara, com uma atuação forte dos nossos verea-dores junto à comunidade”, disse. (Agência Aleac)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation