Feiras de peixe garantem qualidade e preços baixos

Preços baixos e boa qualidade. Esses são os principais atrativos das feiras de peixe que serão realizadas em Rio Branco e Bujari para abastecer as populações de pescado durante a Semana Santa. A garantia é da diretora de Agronegócios do Sebrae/AC, Rina Fátima Soares. O órgão atua como parceiro das duas prefeituras na realização dos eventos.

No Bujari, a feira começa dia 27 de março (sábado) e termina dia 1º de abril (quinta-feira Santa). O peixe será comercializado conforme o tamanho: até 2 kg R$ 4,99, acima de 2 kg R$ 5,99. Uma grande tenda será montada em um ponto estratégico do município para atender os consumidores.
Esta será a 4ª edição da Feira de Peixe do Bujari, resultado da consolidação da cadeia de piscicultura do Vale do Acre, através da parceria entre o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Extensão Agroflorestal e de Produção Familiar; prefeitura de Bujari; e Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Para facilitar o acesso até o município, o prefeito Edvaldo Teles (Padeiro) estuda ainda a possibilidade de disponibilizar linhas de ônibus gratuitas para levar os consumidores. Esse tipo de medida já foi adotada em anos anteriores e foi bastante elogiada pelos produtores de peixes e pela comunidade de uma forma em geral. 

Já a feira do Ramal Panorama, em Rio Branco, ocorrerá entre os dias 26 e 28 de março. O preço do peixe será definido de acordo com a espécie. O quilo do tambaqui será vendido a R$ 5,99; o piau a R$ 6,99 e o pirarucu fresco a R$ 15,00.

Nestes dias que antecedem a Semana Santa, nos mercados públicos da Capital, o quilo de peixe de escama, como tambaqui, está sendo vendido a R$ 9,00. O preço do peixe de couro está ainda mais salgado, varia de R$ 12,00 a R$ 13,00.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation