Professores licenciados param hoje

As escolas da rede estadual param hoje (15.04) as atividades em protesto contra a falta de reajuste salarial dos professores. A paralisação foi convocada pelo Sindicato dos Professores Licenciados do Acre (Sinplac), que realiza também hoje a partir das 8 horas uma manifestação na frente da Assembléia Legislativa do Estado do Acre (Aleac).

profs

Paralisação e protesto têm o mesmo objetivo: forçar o governo do Estado a propor alguma reposição das perdas salariais da categoria ao longo dos últimos dois anos. De acordo com o IBGE, só nos últimos 12 meses a inflação acumulada foi de 5,17% – os professores estão sem aumento desde 2008.

“Vamos mobilizar a categoria para protestar. Fala-se muito em educação de qualidade, mas não se demonstra tanto empenho assim na hora de respeitar o servidor que efetivamente realiza essa qualidade: o professor. Na última reunião com o Sinplac, a equipe de governo ofereceu um aumento de zero por cento”, argumenta a presidente do Sinplac, a também professora Alcilene Gurgel.

Ao longo da semana, a diretoria do Sinplac esteve nas escolas convocando toda a categoria para o protesto que se realiza hoje. O objetivo é fazer um grande evento que possa demonstrar todo o descontentamento com a pauperização do trabalhador e chamar a atenção das autoridades. O ensaio já começou a render os primeiros frutos: a partir das 9 horas de hoje a diretoria do Sinplac será recebida por uma comissão de deputados estaduais.

O tratamento diferenciado para com a educação estadual é um dos pontos fortes da argumentação do Sinplac. Na última negociação com o Sindicato dos Médicos do Estado do Acre (Sindmed-AC), por exemplo, o governo concedeu para os profissionais titulados 20% de reajuste, reajuste do piso de R$ 3,1 mil para R$ 6,8 mil e ainda a incorporação das vantagens extra-salariais para o salário-base. (Assessoria/Sinplac)

Assuntos desta notícia

Join the Conversation