Após 3 dias, a família de uma das garotas sumidas ainda não prestou queixa

A polícia ainda não tem pistas de onde possam estar as duas garotas de 13 anos que estão desaparecidas desde a madrugada de segunda-feira. Bruna Araújo e Patrine Barreto foram vistas pela última vez por volta das 3h da manhã na Passarela Joaquim Macedo em direção ao bairro da Base. O destino delas era a casa da avó de Bruna.

De acordo com a Polícia Civil, apenas a família de Bruna registrou queixa do seu desaparecimento. Até o meio-dia de ontem, nenhum parente de Patrine havia reclamado o seu sumiço.

“A polícia está investigando o caso com base nas informações repassadas pela família de uma das garotas e de testemunhas, mas até agora não temos pistas”, informou o assessor da Polícia Civil.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation