Pular para o conteúdo

Não justifica

A despeito das informações e campanha que a mídia e o Tribunal Regional Eleitoral vêm fazendo, é preocupante ainda o número de eleitores das diversas zonas eleitorais do município de Rio Branco que ainda não fizeram o recadastramento biométrico.

Como se vem alertando, o prazo final para o recadastramento expira em 1º de março, um pouco mais de um mês, portanto, e algumas previsões indicam que, a continuar neste ritmo, é provável que cerca de 30 mil eleitores deixarão de comparecer.

Considerando, entretanto, o tempo e as facilidades que o TRE vem oferecendo para efetuar o cadastro biométrico essa ausência não se justifica. Primeiro, porque o eleitor, queira ou não, é obrigado a passar por este procedimento se quiser participar das eleições gerais deste ano, com as consequências cíveis já sabidas de quem não fizer.

Depois, porque o voto, se consciente, é ainda a melhor maneira de exercer a cidadania.

O que os eleitores que ainda não compareceram têm a fazer é atender o chamamento da Justiça Eleitoral e comparecer quanto antes aos vários postos de recadastramento, deixando o comodismo de lado. Deixar para a última hora também não é uma boa prática.