Em menos de 24 horas, Polícia Civil recupera 20 reses roubadas, prende receptador e apreende arma de fogo

Na tarde desta quinta-feira, 14, a Polícia Civil, por meio da Delegacia da 2° Regional, registrou um boletim de ocorrência sobre roubo de gado na região da Baixa Verde, localizada no km 25 da BR-317, e prendeu em flagrante A.J.N de L. em sua propriedade onde o gado foi encontrado.

Durante as buscas, foi apreendida uma arma de fogo tipo espingarda com 5 munições não deflagradas.

Em posse das informações, a equipe de investigadores da 2° Regional deu início às investigações e conseguiu chegar até a uma propriedade localizada no km 110, Ramal do Pelé, onde o gado estava preso em um curral.

A confirmação que eram as cabeças de gado roubadas se deu pelo reconhecimento da marca, a ferro, a qual estava cravada na parte externa da coxa esquerda de cada animal.

Diante dos fatos, o investigado foi interrogado pela autoridade policial e não revelou de quem teria comprado o gado e nem quem teria feito o transporte das cabeças de gado até sua propriedade.

De acordo com delegado Jarlen Rodrigues, a investigação deve continuar no sentido de identificar mais pessoas envolvidas nesse crime.

“Assim que recebemos as informações demos início aos trabalhos investigativos e chegamos até a propriedade onde o gado estava escondido. O proprietário da terra será indiciado pelo crime de receptação mas as investigações irão continuar para descobrir mais pessoas que participaram desse furto”, esclareceu Jarlen.

O acusado foi encaminhado para Delegacia de Flagrantes (DEFLA) para procedimento praxe e em seguida colocado à disposição da Justiça.

O rebanho, avaliado em R$ 75.000,00 (setenta e cinco mil reais) foi devolvido ao seu proprietário que se responsabilizou pelo transporte do gado de volta à sua propriedade. (Ascom/PC)

Assuntos desta notícia