Pular para o conteúdo
segundo boletim

Mantendo tendência de queda, Acre registra apenas um caso de coronavírus nesta quarta

Até o momento, o Acre já aplicou 959.872 doses de vacinas contra a Covid-19, segundo dados do Ministério da Saúde (MS). São 557.596 primeiras doses e outras 402.276 segundas doses ou vacinas de aplicação única

O número oficial de mortes por Covid-19 continua estável no Acre com 1.845 óbitos, enquanto o de casos continua em tendência de queda. De acordo com boletim oficial da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), um novo caso de infecção por coronavírus foi registrado nesta quarta-feira, 17 de novembro, alterando o número de infecções para 88.114.

Até o momento, o Acre registra 250.008 notificações de contaminação pela doença, sendo que 161.891 casos foram descartados e 3 exames de RT-PCR seguem aguardando análise do Laboratório Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) ou do Centro de Infectologia Charles Mérieux. Pelo menos 86.121 pessoas já receberam alta médica da doença, sendo que sete seguiam internadas até a divulgação do último boletim oficial.

Avanço da vacinação

Até o momento, o Acre já aplicou 959.872 doses de vacinas contra a Covid-19, segundo dados do Ministério da Saúde (MS). São 557.596 primeiras doses e outras 402.276 segundas doses ou vacinas de aplicação única e a quantidade de pessoas vacinadas segue aumentando a cada dia com a imunização sendo ofertada amplamente para o público geral, com idade a partir de 12 anos.

No último dia 14 de novembro, o governador do Acre Gladson Cameli anunciou que, no dia 12 deste mês, a Pfizer enviou à Anvisa, um pedido de autorização de vacinação em crianças entre 5 e 11 anos contra Covid-19 e enfatizou que a autorização para a vacina pode levar até 30 dias em todo Brasil, mas no Acre o governo já se adiantou.

“Nós já tomamos uma decisão: queremos que todos os alunos da rede estadual voltem para as aulas vacinados contra a Covid-19 o mais cedo possível. Por isso, já determinei às secretarias de Saúde e Educação que façam os estudos e planejamentos para que todas as nossas crianças de 05 a 11 anos, assim como os adolescentes tomem a vacina da Pfizer e fiquem protegidos”, disse Cameli.

Com a medida, o Acre se consolidará como um dos Estados que mais vacinou sua população, proporcionalmente, contra o coronavírus no país. Em todos os municípios acreanos, a vacinação continua sendo ofertada para pessoas com idade a partir de 12 anos.

Leia também: Após anúncio do MS, Rio Branco estuda ofertar dose de reforço em todos os adultos ainda nesta semana