Pular para o conteúdo

Prefeitura inicia entrega das taxas de licenciamento para taxistas e mototaxistas

licenca

Repetindo a estratégia aplicada nos últimos anos, os permissionários de táxi e mototáxi, não precisarão dirigir-se até o setor de atendimento da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (RBTrans) para retirar as taxas referentes ao licenciamento anual. A autarquia está enviando as guias por meio dos correios, permitindo que os usuários recebam os documentos em suas residências. Mais de mil boletos serão entregues com data limite para pagamento do Imposto Sobre Serviço (ISS) sem juros ou multas até o dia 31 de janeiro.

O restante das taxas constantes no documento tem vencimento de acordo com a portaria n° 094/09, que define o calendário de licenciamento de acordo com o digito final de cada permissão. Portanto, as permissões com final 1 e 2 têm data limite para renovação até o dia 26 de fevereiro; as permissões com final 3 e 4 até o dia 31 de março; as com final 5 e 6 até 30 de abril; as permissões com final 7 e 8 até o dia 31 de maio e as com final 9 e 0 têm até 30 de junho para renovar a permissão.

Diminuição na demanda

“Estamos trabalhando para melhorar cada vez mais o atendimento ao público, uma forma de praticar isso, é estreitando cada vez mais a relação com os permissionários”, explicou o Superintendente da RBTrans, Ricardo Torres.

Com este procedimento a demanda de atendimento tende a diminuir, pois ao receber o documento de arrecadação, o usuário somente comparece à instituição uma única vez, já para efetuar a renovação, não tendo que ir no início do ano solicitar as taxas e depois retornar a fim de concluir os demais encaminhamentos.

Novas Instalações de Atendimento

Em breve, os usuários da RBTrans serão recebidos em novas instalações de atendimento, é que a Superintendência inaugura em fevereiro, um anexo especial para atendimento ao público. “Estamos colocando à disposição da comunidade novas instalações para atendimento, mais moderno e dinâmico, o novo anexo deve ser um local de acolhimento aos usuários”, frisou Torres. (Ascom Pmrb)