Pular para o conteúdo

Senai dá início às aulas com 180 novos alunos

Como parte da missão de promover a educação profissio-nal e tecnológica para desenvolver a indústria acreana, o Senai deu início ontem às aulas dos cursos de aprendizagem industrial nas áreas de Mecânica de Automóveis, Padeiro e Confeiteiro e Auxiliar de Redes de Computadores.

Ao todo, 180 novos alunos tiveram seu primeiro dia de aula, na segunda-feira, em cursos que terão duração média de um ano. “Daqui eles sairão preparados para o mercado de trabalho, com amplo conhecimento teórico e prático nas áreas mais demandadas pela indústria acreana”, disse a diretora regional do Senai, Solange Chalub.

O aluno Francisco Wellison, 18, conseguiu uma vaga em um dos cursos mais disputados do Senai, o de Mecânica de Automóveis. O curso é tão procurado que a instituição ofereceu 80 vagas, divididas em quatro turmas, sendo duas pela manhã e duas pela tarde. “Esse ano eu concluo o ensino fundamental e até lá já terei uma profissão. Pretendo, assim que terminar o curso de mecânica, trabalhar na área”, planeja o aluno.

A aluna do curso de Auxi-liar de Redes de Computadores, Adriely Souza, disse que sempre teve interesse pela área de informática, mas pela primeira vez vai se profissionalizar. “Tenho grande preocupação quanto a minha profissão e tive sorte de o Senai oferecer justamente o que eu quero fazer e ainda por cima de forma gratuita”, salientou.

Os cursos de aprendizagem industrial são gratuitos por fazerem parte do Programa Jovem Aprendiz. Essa modalidade corresponde à educação profissional de nível básico ou técnico destinado à qualificação ou habilitação inicial de jovens aprendizes e caracterizada pela articulação entre formação e trabalho.
Além dos 180 novos alunos que entraram nos cursos de aprendizagem de 2010, o Senai conta ainda com outros 80 alunos que iniciaram cursos de Eletricidade e de Redes no segundo semestre de 2009. (Ascom Fieac)