Policial da Ciatran vítima de acidente não resiste e morre na UTI do Pronto Socorro

O soldado da Polícia Militar, Antônio Francisco Cabral Silva, 32 anos, lotado na Companhia Estadual de Trânsito – CIATRAN, que na madrugada de segunda-feira, 22, foi vítima de um grave acidente na Rua Floriano Peixoto, não resistiu aos graves ferimentos e morreu por volta das 14h20 desta sexta-feira, 26, na Unidade de Tratamento Intensivo- UTI do Pronto Socorro de Rio Branco.

pcmorre

O Acidente

O acidente aconteceu por volta de 01h da madrugada desta segunda-feira, 22, quando o soldado Cabral Silva, após atender uma ocorrência de acidente na Avenida Getúlio Vargas, parou para fazer um lanche no bairro da Base.

Quando o policial estacionava a moto na Rua Floriano Peixoto no sentido centro/bairro, o motociclista Jonas dos Santos Silva, 26 anos, que trafegava na moto, placa MZY 0979, bateu violentamente contra a moto estacionada do policial.

Com o impacto da colisão entre as motos, o soldado, que ainda descia da motocicleta da Ciatran, foi violentamente atingido. Ele e o piloto da moto foram lançados a poucos metros de distância.

O soldado Cabral, sofreu fratura exposta no braço e perna e traumatismo craniano. O piloto da moto que causou o acidente também sofreu fraturas expostas.

Paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU socorreram as vítimas que foram encaminhadas ao Pronto Socorro de Rio Branco, onde o policial militar deu entrada em estado gravíssimo.

Testemunhas que estavam no lanche informaram que o piloto da moto que causou o acidente trafegava em altíssima e perdeu o controle do veículo batendo na moto da Ciatran e no policial militar que estava estacionado.

pcmorre1
O policial e Jonas no local do acidente

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation