Alto Acre quer iniciar recuperação contra o Vasco

A comissão técnica do Alto Acre ainda não “jogou a tolha” e espera uma recuperação de certa forma surpreendente dentro do Campeonato Estadual Acreano. E qualquer reação tem que iniciar neste sábado, contra o Vasco da Gama, em jogo marcado para o estádio Antônio Araújo Lopes.

Alto-Acre
Pensando em treinar seu elenco nos mesmos moldes do jogo, Júlio César realizou o treino desta quinta-feira no início da noite, no Antônio Araújo Lopes, devendo repetir novamente nesta sexta-feira. “Daqui para frente só podemos pensar na vitória, por isso mesmo o nosso pensamento é três vitórias e um empate. Qualquer que não seja esse resultado significará ficar de fora do G4”, avalia o técnico.

A boa notícia para o técnico Júlio César é a liberação do meia atacante boliviano Pedro. Júlio ainda aguarda a liberação de mais dois bolivianos, o lateral direito Dui e o atacante Edgar. O meia Pedro, inclusive foi indicação de seu compatriota Milton Melgar e vem sendo aprovado pelo técnico.

Se por um lado a liberação do meia se torna uma boa notícia, o Alto Acre tem dúvida sobre a possibilidade de utilizar ou não o volante Mamud. O jogador será avaliado novamente nesta sexta-feira. A situação mais complicada é do atacante Luizinho, que deverá passar por uma ressonância para avaliar melhor. “A perda de Luizinho é preocupante para nossa força ofensiva, já Mamud acredito que possa nos auxiliar”, disse Júlio.

Renovação – Mesmo sem conseguir a classificação para o G4, o Alto quer fechar a temporada com uma boa imagem e sem, é claro, o rebaixamento. Procurado, o técnico Júlio César e até mesmo alguns jogadores, foram contatados pela diretoria para dar continuidade ao trabalho, até mesmo pensando na próxima temporada. “Sempre é bom quando se tem suporte financeiro, sem falhas, mas quem vive de futebol, devemos pensar em tudo e levantar todas as possibilidades”, disse o técnico.

 

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation