Rodada do Acreano derruba último invicto; Juliano assume artilharia…

A 6ª rodada do Campeonato Estadual Acreano promoveu uma série de alterações, inclusive um novo vice-líder, queda do último invicto e a troca do artilheiro da competição. Também teve erro de arbitragem, jogador levado pelo Samu e outro chamando o técnico de burro. Enfim, teve para todos os gostos.
Faisca
Adesg 1×3 Rio Branco – Abrindo o domingo de jogos, os jogadores da Adesg tentaram jogar de igual para igual contra os atuais líderes do Estadual, o Rio Branco FC, só não contavam com a tarde iluminada do atacante Juliano César, autor de dois gols e novo artilheiro com seis gols. Rafael fechou a vitória do Estrelão, por 3 a 1 no Naborzão, enquanto Márcio descontou para a Adesg.

O jogo iria marcar a estréia de dois meias, no entanto Marco Antônio não se sentiu bem e pediu a dispensa para o técnico Tiago Nunes, ficando apenas a reestréia de Testinha, autor de um passe de gol, além de ser um dos articuladores no Estrelão.

O primeiro do jogo e de Juliano teve o cruzamento de Testinha, a zaga furou sobrando para “El matador” Juliano César que teve a tranqüilidade de limpar o goleiro para fazer 1 a 0, com apenas cinco minutos de bola rolando. Com uma Adesg ousada e que por várias vezes chegou na cara do gol, o empate veio aos 11 minutos. Gessé invadiu pela lateral direita, chutando forte, para a defesa parcial de Douglas. Márcio chegou batendo de primeira para empatar.
Aos 26 minutos Araújo recebeu na pequena área e emendou uma bomba, que Daboe consegue defender parcialmente, mas Rafael dominou e chutou forte para colocar o Estrelão na frente: 2 a 1. Em cobrança de escanteio, a bola foi desviada no primeiro pau, sobrando na pequena área para Juliano César sacramentar a vitória em 3 a 1. Na segunda etapa o placar não foi alterado.

Náuas 1×0 Andirá – Como vem ocorrendo em quase todos os jogos, o Andirá sempre inicia atuando melhor que o adversário e, mesmo jogando em Mâncio Lima, diante de uma torcida toda adversa, o primeiro tempo praticamente foi dominada pela equipe da Capital. Mas foi o Náuas quem marcou o único gol do jogo, com Serginho.

A rodada foi benéfica para o representante do Juruá. Sua vitória e a derrota de seus adversários diretos, colocou o Náuas na segunda colocação, com 13 pontos, restando apenas três jogos, sendo os dois últimos no Totão.

O único gol do jogo foi assinalado aos 41 minutos do primeiro tempo. A jogada iniciou com Emerson na lateral esquerda, tirando o marcador e dando a assistência para Serginho chegar batendo de primeira. No momento do gol, a torcida local, talvez esperando uma goleada, ensaiava vaiar a equipe da casa.
Na etapa final, como ocorre em todos os jogos, o Andirá peca pela falta de um condicionamento físico e passou a ser dominado pelo Náuas. Todo o domínio imposto na segunda etapa não resultou em ampliação do placar, sendo que Serginho cansou de desperdiçar chances de se aproximar de Juliano na artilharia.

Independência 2×3 Plácido – Na tarde em que o Plácido fazia duas estréias, do técnico Marcelo Altino e do atacante Nilton Goiano, o Independência bem que tentou estragar a festa e até saiu na frente, em jogo disputado no estádio Arena da Floresta, no entanto acabou tomando a virada para 3 a 2.
O resultado deixou o Plácido na 5ª colocação, empatando em número de pontos com o Atlético, último clube do G4, mas perde no saldo de gols. O Independência vem caindo na tabela e após ter liderado em três rodadas, agora amarga a 6ª posição.

E foi justamente o tricolor quem primeiro balançou a rede. Contra-ataque, J. Maria lança Jereca que invade pela lateral esquerda e bateu para a defesa parcial de Máximo. Paquito entrou de bico para fazer 1 a 0. O mesmo Jereca que iniciou a jogada do gol, aos 26 minutos, acabou derrubando Cavalo, sendo assinalado penalidade máxima por Antônio Neuricláudio. O estreante do jogo, Nilton Goiano, com direito a paradinha, converteu a penalidade, deixando tudo igual em 1 a 1.

Veio o segundo e também a reação do Plácido. Após cansar de perder oportunidades, a equipe da fronteira marcou aos 32 minutos em jogada de qualidade do atacante Zico que dominou na entrada da grande área e acertou uma bomba no ângulo, virando o placar para 2 a 1. Em nova roubada, aos 40 minutos, Zico deixa Nilton na cara de Mococa, chutando forte para fazer 3 a 1. O Plácido ainda comemorava o gol, quando Jereca invadiu pela esquerda e, desta vez, marcou em chute cobrindo o goleiro Máximo, 3 a 2, placar final.

Na saída de campo, o atacante Vitor, um dos destaques no empate com o Andirá, reclamou muito do técnico Jangito e disse que não queria mais atuar no Independência.

Atlético 0x1 Juventus – O maior clássico da rodada não poderia ficar sem uma polêmica. Independente disso, o Juventus retornou ao G4, na 3ª colocação graças ao gol do zagueiro/artilheiro Fernando, que chegou ao seu segundo gol na competição.

As duas equipes proporcionaram vários lances de qualidade para os 820 presentes no estádio Arena da Floresta. Porém em quase todas elas os goleiros Faísca, do Atlético, ou Fernando, do Juventus, conseguiram parar os ataques adversários.

O único gol foi assinalado aos 36 minutos da etapa inicial. A jogada nasceu na cobrança de escanteio de Hulan, o zagueiro Fernando subiu no meio da defesa e cabeceou tirando de Faís-ca, que nada pode fazer. No lance mais incrível desperdiçado pelo Galo, Bruninho invadiu pela esquerda, chutou cruzado, com defesa de Fernando, sobrou para Ailton chutar e nova defesa do goleiro, sobrando mais uma vez só que para Leonardo tentar de voleio, passando por cima da meta, para desespero de toda a torcida embalada pela charanga.

No lance mais polêmico da rodada começou com uma jogada de craque do volante Castanheira que driblou três antes de tabelar com Jonas e tentar por cobertura. Fora da área, Faísca fez a defesa com as mãos, sendo imediatamente penalizado com cartão vermelho pelo árbitro Ronne Casas. No entanto o árbitro foi confirmar com o assistente Renner Santos, voltando atrás na marcação, errando, pois a foto do fotógrafo Sérgio Valle comprova a infração fora da grande área.

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation