Comunicação e intimidade

Olá, tudo bem?

Como vai a sua Comunicação?

Consegue perceber os ruídos causados pela má comunicação, ou os problemas que surgem pela falta dela?

Seu companheiro ou companheira tem reclamado muito sobre a ‘forma’ que você tem se comunicado?

E quanto a sua Intimidade, tem deixado de existir? Os carinhos, afagos, beijos…, estão a cada dia que passa diminuindo? Pode então a Comunicação afetar a Intimidade?

Convido você, meu amigo, minha amiga, a mergulhar neste mundo mágico da comunicação e entrar discretamente no mundo da intimidade.

Antes de mais nada, importante enfatizar que a comunicação promove a intimidade, ambos são indispensáveis para o sucesso nas relações amorosas e afetivas.

Tenho acompanhado casais há quase 16 anos. Muita coisa eu tenho percebido que promovem o adoecimento na relação a dois. No entanto, observo que o desencadeador de muitos conflitos e problemas está na má comunicação ou na falta dela. Diminuindo proporcionalmente a intimidade, afastando sexualmente casais, e, consequentemente, enfraquecendo o amor e fragilizando a relação.

Então, o que acha de refletir seriamente neste momento, perguntando-se: Como tem sido a sua comunicação? Qual a forma que a tenho utilizado? Tenho promovido uma comunicação unilateral, onde apenas eu falo sem permitir que o outro se abra, diga o que pensa, ou o que sente? Faz sentido, então, as reclamações ou queixas do seu companheiro ou companheira? É a sua forma de se comunicar, agressiva? São muitos os gritos, ofensas, agressões verbais, humilhações? Ou o silêncio é uma constante, onde o desprezo predomina?

Diante de um quadro desses, como exigir intimidade? Como querer que o outro o trate com carinho, generosidade, doçura, ternura, com entrega? Como querer que o outro o aceite em seu mundo se você o esmaga sem piedade, passando por cima dos seus sentimentos feito um trator? Dilacerando, rasgando, machucando, esquecendo que o outro sente, sofre, chora e grita, porque dói na alma!

E então meu amigo, minha amiga, está realmente disposto a salvar sua relação e resgatar a intimidade?

Diante dos problemas que foram apresentados, saiba que o principal instrumento em busca da solução está na comunicação, ou melhor, como diz Gary Chapmam “o investimento de alma e sentimento na boa e saudável comunicação”. Com este sincero esforço, buscando, de fato, a qualidade na forma de se comunicar, o casal poderá se tornar uma unidade sem perder a individualidade.

Mas Claudia, como poderei fazer isso? Como começar?

Por exemplo: Como tem chegado em casa?

Você costuma cumprimentar? Perguntar como foi o dia? O que aconteceu? Se está tudo bem?

Ou então: Seu companheiro chega em casa, como você o recebe? Com reclamações? Queixas? Discussões? Cobranças?

Costuma telefonar durante o dia para saber como o outro está? Mostra que se preocupa? Que sente falta? Que ele ou ela é importante pra você?

Isso é ultrapassado, Claudia!

Tudo tem mudado, evoluído, porém, o romance, o amor permanece em alta.

As pessoas continuam buscando ou esperando por alguém especial, que ame de verdade, que esteja disposto a compartilhar sonhos, objetivos, construir juntos uma história, constituir uma família.

Mas a cada dia que passa, mesmo desejando esse amor, muitos estão intolerantes. Não estão mais dispostos a ceder, compreender, ter paciência, esperar. Querem imediatamente perfeição na relação, tudo pronto!

Olha só, relacionamento é construído. É necessário colocar um tijolo por vez e no prumo.

E, nesta construção, a comunicação deve tomar um lugar especial, atenção precisa ser dada e muita coisa mudada em ambas as partes.

Quanto mais se entendem verbalmente, mais próximos e íntimos se tornam. Nascendo assim, a amizade, companheirismo e cumplicidade, e fortalecendo o respeito, a confiança e o amor.

Então, quer mesmo melhorar, mudar ou quem sabe aprender?

Abra-se para a pessoa que ama, pergunte onde está falhando na comunicação. Esteja realmente disposto a ouvir. E então, comece pedindo desculpas, e diga: Eu vou tentar fazer diferente, vou me esforçar pra isso, para termos uma melhor qualidade em nossa relação, nos aproximando, unindo e nos tornando mais íntimos, buscando o entendimento através de uma comunicação saudável.

E, por favor, faça! Pois somente você é capaz de mudar a história de sua vida.

Proteja o que sente um pelo outro.

Um grande abraço!

* Claudia Correia
[email protected]
Facebook: Claudia Correia de Melo

Assuntos desta notícia