Corpo de mulher é encontrado boiando nas águas do Rio Acre

Estivadores que trabalham transportando mercadorias dos ribeirinhos no Porto do Mercado Elias Mansour (Mercado Novo), no bairro Cadeia Velha, encontraram o corpo da vendedora Maria José Mariano dos Santos, 38 anos, boiando no Rio Acre.

O corpo apresentava ferimentos e um corte profundo na cabeça, por isso acredita-se que a mulher tenha sido vítima de homicídio, mas segundo o laudo do Instituto Médico Legal (IML) a causa da morte foi afogamento.

A polícia acredita que a mulher tenha sido espancada e jogada nas águas do Rio Acre e, devido aos graves ferimentos, tenha morrido afogada por não conseguir nadar até a margem.

Polícia tem nome de suspeito do crime – Segundo o que a polícia conseguiu apurar, Maria José estaria enfrentando problemas pessoais e por isso teria se entregado ao alcoolismo. Todos os dias ela era vista nos bares no barranco localizado no Mercado Novo ingerindo bebida alcoólica.

Na tarde de quinta-feira, ela foi vista na companhia de um homem identificado pelo nome de “Fred”, que está desaparecido e, para a polícia, figura como suspeito do crime.

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation