Angelim fala sobre prioridades da próxima gestão federal

O prefeito Raimundo Angelim foi destaque na edição deste mês da revista Prefeitos & Gestões. A revista conversou com os principais gestores dos municípios das cinco re-giões do país, buscando entender o que eles esperam do próximo ocupante do Palácio do Planalto. Angelim destacou que o novo “presidente deve ser, acima de tudo, comprometido com as causas municipalistas” e “ter uma visão de Estado, um projeto de governo voltado para o interior do Brasil”.

Municipalismo
Espero que o novo presidente do Brasil dê continuidade ao trabalho realizado pelo presidente Lula, que mudou a rea-lidade do Brasil. Mas o presidente deve ser, acima de tudo, comprometido com as causas municipalistas. Qualquer projeto de governo, seja de infra-estrutura, saúde, educação, transporte, meio ambiente, saneamento, geração de emprego e renda, segurança, habitação ou qualquer outra área, se não for compartilhado com os municípios, têm grandes chances de não dar certo.

Sem ações efetivas nos municípios, parcerias com as prefeituras e um diálogo mais aberto com os gestores, não há como se ter um projeto de desenvolvimento para o Brasil que seja verdadeiramente viável. É nos municípios que as pessoas moram, têm suas maiores necessidades a serem supridas. Daí porque o novo presidente precisa ter uma visão de Estado, um projeto de governo voltado para esta realidade, a realidade do interior do Brasil.

Isso em qualquer área. Além disso, é de fundamental importância que o novo governo mantenha um compromisso com a sustentabilidade, o meio ambiente, com projetos sociais e com a infra-estrutura.

No Acre, notadamente em Rio Branco, que concentra mais de 50% da população do Estado, uma das marcas dos últimos anos tem sido a parceria com a o governo estadual e com o Governo Federal. Através destas parcerias viabilizamos projetos importantes. Nossa cidade deu um salto de qualidade muito acima da média nacional nesse período, exatamente pelas parcerias e devido ao incondicional que tivemos do presidente Lula. (Ascom PMRB)

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation